18 de abril de 2010

POLÍTICA & JOVEM CRISTÃO Esta união dá certo?

Política é coisa suja?
A política tem recebido um julgamento público muito candente, face a comportamentos humanos dos que fazem política, não aceitos muitas vezes pela sociedade. Área de jogos de interesse - e que podem ser de todo lícitos – gera as naturais dificuldades de vitória, projetando com isso o comportamento censurável dos que não pautam seu comportamento político pelos caminhos honestos. A intensa luta no campo das idéias, em que idéias têm que ser suplantadas, têm buscado muitas vezes soluções para os problemas dentro de composição de favores e interesses. Tais jogos não trazem, intrinsecamente, as cores da desonestidade, etapa só alcançada quando o querer dos litigantes assim desejar e assim se posicionar. Por esse mau comportamento vem assim a política, como arte, sendo condenada, por vezes cega a injustamente. De fato, a desonestidade é simplesmente humana e são os homens que buscam os maus caminhos que são muito mais e unicamente seus e não da política. Soluções políticas não são soluções desonestas, mesmo que não sejam soluções corretamente técnicas ou gerencias. As soluções políticas pairam acima das soluções citadas, buscando sempre o menos violento para o homem e para a sociedade.
Coisa suja ou coisa limpa, a política sempre será se os homens que com ela lideram forem sujos ou forem limpos. Política não é coisa suja, nem coisa limpa, mas acima de tudo é coisa séria, pois trata do governo dos povos, das nações, das sociedades, das famílias, das pessoas. Deixemos o olhar curto e alcemos nosso olhar para o horizonte deste mundo social extenso e intenso onde o cristão está colocado para ser agente de mudanças, cooperador na construção da sociedade, trabalhador que convive com Deus para construir sempre o melhor. Deixemos de lado o mesquinho egoísmo dos julgamentos pequenos e vitalizemos nossa função de “sal da terra”, no colaborar, em tudo que pudermos para construção de uma sociedade honesta, produtiva e forte. Nossa influência cristã não pode estar ausente.
Um cristão na greve
Quem o vê, panfletos debaixo do braço, mobilizando a categoria para a greve, pode duvidar que se trate de um crente. E quem o ouve, em plena assembléia dos portuários, iniciar uma assembléia “acalorada” lendo trechos da Bíblia, pode estranhar que ele seja um líder sindical. Mas vencendo dúvidas e estranhezas e desbravando um caminho novo, o jovem Jairo Louzada Dias, presidente do Sindicato dos Portuários do Espírito Santo e 1º Vice-moderador de uma grande igreja batista da Grande Vitória, conseguiu firmar-se na sua disposição de ser um instrumento de Deus no conturbado meio sindical, tornando-se assim... “um cristão na greve”.
Aos 24 anos, Jairo começou a trabalhar no porto de Vitória, limpando banheiro e servindo cafezinhos. Algum tempo depois, por concurso interno, chegou ao cargo de conferente. Neste cargo, reivindicando melhores condições de trabalho para si e para os colegas, caiu no desagrado da empresa. “E foi assim”, diz ele, “que comecei minha experiência sindical, mais para fugir do desemprego do que qualquer outra coisa. A empresa já havia colocado a mim e a outros cinco numa “lista” e aguardava apenas a oportunidade de nos demitir. Era ano de eleições, e aceitei o convite para participar de uma das chapas que concorriam, pois a imunidade sindical seria a única coisa que me seguraria no emprego. Ganhamos e eu fui eleito para cargo de 2º tesoureiro.
Assim entrou par ao sindicato um homem que não acreditava em sindicatos. Na Marinha e no Próprio porto pintavam para ele a imagem do sindicato como sendo sinônimo de anarquia, corrupção, ambição e preguiça. Além disso, pesava-lhe o pensamento corrente em meios evangélicos de que cristão e política eram coisas que não se misturavam. Porém, seus olhos se abriram para o grande potencial de um sindicato levado a sério. “Comecei a tomar gosto pela coisa e ver naquela trabalho uma oportunidade de beneficiar minha categoria com a reivindicação de seus direitos, mas também com o testemunho do evangelho.”
Em 1984, depois de três anos de mandato, enfrentou uma nova eleição. Os colegas da classe diziam que ele “puxava voto”, porque “o pessoal achava mais confiável votar num crente.” E de fato ele foi reeleito, desta vez para o cargo de 1º secretário.
Além de sua própria reserva em relação ao sindicalismo, Jairo teve de enfrentar outros obstáculos para trilhar este novo caminho. Um dos maiores foi o que enfrentou na igreja. “Apesar do apoio que minha igreja sempre me deu, é triste constatar como os crentes, as vezes, são desinteressados – até mesmo avessos – a atividade política, quer seja eclesiástica, partidária ou sindical. Na última eleição, convidei todos os portuários evangélicos para integrar a minha chapa e nenhum deles aceitou. Há aqueles que acham, por exemplo, inaceitável que o crente participe de greve. Deveria ser esclarecido que há greve política e há greve reivindicatória. Esta última é totalmente legítima. “Dirigi quatro greves reivindicatórias nos últimos dois anos, todas ‘bem comportadas’, e não houve nada que as desabonasse”.
Em 1987, Jairo Louzada Dias foi eleito presidente do Sindicato dos Portuários do Espírito Santo, com o triplo da soma de votos dos outros quatro concorrentes. Ele diz que o fato de ser crente contribuiu para isso. Várias pessoas, afirma, confiaram nele justamente pelo fato de ser crente.
Este crente encarava seu trabalho como uma missão. E tem dois apelos a fazer. O primeiro, aos crentes que desejarem ingressar na carreira política, para que tenham uma real consciência missionária de seu trabalho, resistindo ao comodismo e à corrupção; tendo convicção de que sua atividade é dirigida por Deus, pois “se o líder cristão tiver essa consciência, seus liderados também terão”. E o segundo, aos líderes denominacionais, para que invistam na formação política do povo batista, a fim de que “haja sempre um servo de Deus envolvido em cada seguimento da sociedade como prefeito, deputado ou sindicalista, sendo sal e luz, testemunhando de Cristo e apressando a volta do Senhor.”
Marcelo Rodrigues de Aguir

4 comentários:

  1. Olá meus irmãos, Graça e Paz.

    Parabéns pelo blog tão abençoador.
    Aprendendo uns com os outros crescemos na graça e no conhecimento.
    Após sermos afetados diretamente pelas águas, nossa cidade se levanta e adora a Deus. Grande Evento neste último dia 01 de Maio dia do trabalhador. Noite de adoração com o Diante do Trono. Centenas de pessoas foram libertas e encontraram cura através da ministração da palavra.A Deus seja a glória e a honra. Gostaria também de divulgar o nosso blog.

    “Mensagem Edificante para Alma”
    http://josiel-dias.blogspot.com/
    cobertura completa deste evento.

    Josiel Dias
    Cons Missionário
    Congregacional
    São Gonçalo
    Rio de Janeiro

    ResponderExcluir
  2. Olá meus irmãos, Graça e Paz.

    Parabéns pelo blog tão abençoador.
    Aprendendo uns com os outros crescemos na graça e no conhecimento.
    Após sermos afetados diretamente pelas águas, nossa cidade se levanta e adora a Deus. Grande Evento neste último dia 01 de Maio dia do trabalhador. Noite de adoração com o Diante do Trono. Centenas de pessoas foram libertas e encontraram cura através da ministração da palavra.A Deus seja a glória e a honra. Gostaria também de divulgar o nosso blog.

    “Mensagem Edificante para Alma”
    http://josiel-dias.blogspot.com/
    cobertura completa deste evento.

    Josiel Dias
    Cons Missionário
    Congregacional
    São Gonçalo
    Rio de Janeiro

    ResponderExcluir
  3. Olá, pessoal! Em primeiro lugar queria parabenizar o blog pela qualidade de seu conteúdo e pelas discussões construtivas que aqui são geradas. Também tenho um blog e convido a todos para que o conheçam e participem da enquete do mês. Ok? Até a próxima! Abraço, Leandro Corrêa

    Do que o jovem mais sente falta na igreja hoje? Acesse nosso blog e participe da enquete do mês: www.estrangeirosesonhadores.com

    ResponderExcluir
  4. OlÁ! POLÍTICA E JOVEM E UM TEMA BEM POLEMICO... NOS CRISTÃO TEMOS QUE SEMPRE ESTAR DENTRO DA POLÍTICA DE DEUS, PQ DELE VEM A VERDADEIRA JUSTIÇA' eu sou Laiza, sou de São Gonçalo, tenho 18 anos! quem quiser pode ir lá dar uma olhadinha no meu orkut: laiza_oliveira@yahoo.com ñ esqueçe de deixar um recado dizendo a paz de senhor! ok?! ou pode me add no msn: laiza.de.oliveira@hotmail.com

    ResponderExcluir

aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna.
João 4:14

E quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida.
Apocalipse 22:17
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

whos.amung.us