31 de outubro de 2018

Jogral CANTAI ALEGREMENTE A DEUS, NOSSA FORTALEZA!




1 – Eu te amarei do coração, ó Senhor, fortaleza minha.

2 – O Senhor é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem confio;

3 – Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.

4 – A ti, ó fortaleza minha, cantarei louvores; porque Deus é a minha defesa, é o Deus da minha misericórdia!

5 – Direi do Senhor: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.

6 – Ó Deus, tu és tremendo desde os teus santuários; o Deus de Israel é o que dá fortaleza e poder ao seu povo. Bendito seja Deus!

Todo Coral: Cantai alegremente a Deus, nossa fortaleza!

1 – Sim, o Senhor é a nossa fortaleza! Como homens que somos, reconhecemos que somos fracos e imperfeitos, mas o Senhor é a nossa força!

2 – Quando os amonitas e moabitas subiram contra Josafá, ele subiu ao Templo a orar e mandou que Judá e Jerusalém se prostrassem perante o Senhor Deus!

3 – E disse Josafá ao Senhor: "Ah! Nosso Deus, em nós não há força, e não sabemos o que faremos; porém os nossos olhos estão postos em ti".

4 – E a resposta de Deus foi: "Não temais, nem vos assusteis por causa desta grande multidão; pois a peleja não é vossa, mas de Deus".

5 – E no dia seguinte, o povo saiu à peleja exaltando ao Senhor com júbilo e ao tempo em que eles começaram a louvar ao Senhor, seus inimigos foram desbaratados!

6 – Esse é o Deus a quem servimos, o Deus que peleja pelo seu povo! Por isso, não cansamos de dizer:

Todos: Cantai alegremente a Deus, nossa fortaleza!

1 – Quando saiu a enfrentar Golias, Davi, um jovem pastor, saiu-lhe ao encontro com apenas um cajado, uma funda e cinco pequenas pedras.

2 – Porque Davi não confiava em si mesmo, mas confiava no Deus que é a nossa fortaleza!

3 – Quando Golias o viu, ficou enfurecido e gritou: Sou eu algum cão, para tu vires a mim com paus? E amaldiçoou a Davi, pelos seus deuses.

4 – Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; Mas eu vou a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado.

5 – E quando Davi lançou a pedra, eis que ela cravou-se na testa do gigante e ele caiu por terra, pois não há quem possa com este Deus.

6 – O fim daquele que se levanta contra ele é a derrota! E se o inimigo se levanta contra ti, confia no Senhor, louva ao seu nome e verás o que Ele pode fazer em tua vida!

Todos: Cantai alegremente a Deus, nossa fortaleza!

1 – Em nossas vidas, sempre passamos por momentos difíceis, momentos de tribulação;

2 – Mas esses momentos, não diminuem a presença de Deus em nossas vidas!

3 – Nessas horas, a nossa fé não pode ser abalada. Temos que continuar louvando ao Senhor, sabendo que nele está a nossa força e a nossa razão pra louvar!

4 – Quando o povo de Israel estava em frente ao Mar Vermelho, vendo os egípcios a persegui-los e os montes a cercá-los, viram-se sem esperança, sem solução!

5 – Mas Moisés clamou a Deus e o Senhor abriu o Mar e todo povo passou a pé enxuto.

6 – E do outro lado, Moisés entoou um hino de louvor dizendo:

Todos: Cantai alegremente a Deus, nossa fortaleza!

1 – Quando nos encontramos com Jesus, sabemos que, mesmo nas horas mais difíceis, sempre haverá razão para louvar!

2 – E um grande exemplo é o de Paulo e Silas que, mesmo tendo sido açoitados, castigados e presos em um tronco, não se detiveram, mas abriram os seus corações e bocas para louvar ao Senhor!

3 – E à meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam ao Senhor!

4 – E Deus, que do céu a tudo contemplava, enviou prontamente a resposta ao louvor daqueles fiéis servos:

5 – Pois sobreveio naquela hora um tão grande terremoto e foram soltas as prisões de todos!

6 – E quando louvamos ao Senhor de todo nosso coração, não importando as situações, ele nos dá vitória e nos anima a cantar dizendo:

Todos: Cantai alegremente a Deus, nossa fortaleza!

1 – E o Coral __________________ vem hoje agradecer a Deus por mais um ano de vitória!

2 – São grandes bênçãos e vitórias que recebemos servindo a este grande Deus!

3 – Nós o louvamos porque só ele é digno de honras, glórias e louvores!

4 – Enviando seu filho ao mundo e morrendo por nós na cruz, redimiu-nos do pecado!

5 – Enchendo-nos de esperança, transformou em vitórias as nossas derrotas!

6 – Por isso o louvamos! E não temos mais nada a ofertar-lhe a não ser nossas próprias vidas como prova de amor e gratidão! E assim,com alegria dizemos:

Todo Coral: Cantai alegremente a Deus, nossa fortaleza!


Ore, jejue, decore e compareça aos ensaios.
Sua dedicação – a garantia de sua participação; sua participação – a garantia de Deus operar em sua vida!


Jogral Agradecimento - BOM É LOUVAR AO SENHOR E CANTAR LOUVORES AO TEU NOME, Ó ALTÍSSIMO!



1 – Louvarei ao Senhor durante a minha vida, cantarei louvores ao meu Deus enquanto existir!
2 – Todos os dias te bendirei e louvarei o teu nome para sempre!
3 – Louvarei ao Senhor em todo o tempo, o seu louvor estará continuamente na minha boca!
4 – Louvar-te-ei, Senhor, pois me escutaste, e te fizeste a minha salvação!
5 – Eu te louvarei, Senhor, de todo o meu coração; na presença dos deuses a ti cantarei louvores!
6 – Exaltar-te-ei, ó Deus meu e Rei e louvarei o teu nome por todos os séculos!

T – Eu te louvarei, pois bom é cantar louvores ao teu nome!

1 – “Este é o dia que fez o Senhor; regozijemo-nos e alegremo-nos nele!”
2 – Sim, neste dia, os corações dos componentes do ________________________ saltam de alegria, pois comemoramos ______ anos de existência! E assim, convidamos a toda Igreja a se alegrar conosco!
3 – Durante estes _____ anos, temos feito conforme nos diz o salmista: “Todo ser que respira louve ao Senhor!”
4 – E através do nosso louvor, Deus nos tem abençoado e concedido grandes vitórias!
5 – E neste dia tão especial, louvamos e bendizemos ao Senhor porque Ele tem cuidado de nós! Louvamos ao Senhor pela sua infinita bondade; exaltamos o seu nome porque é excelso;
6 – Louvamos porque estamos agradecidos pelas inúmeras bênçãos que Ele nos tem concedido durante estes _____ anos!

T – Louvamos porque ele é bom e a sua misericórdia dura para sempre!

1 – Eu te Louvarei Senhor em todo o tempo!
2 – Exaltar-te-ei enquanto viver.
3 – Farei conhecido o teu nome entre os povos!
4 – Pela eterna salvação que me concedeu!

5 – Se tiver que passar pelo Vale da Sombra da Morte...

T – Louvarei ao Senhor em todo o tempo!

6 – Se sofrer escárnio, desprezo ou calúnia...

T – Louvarei ao Senhor em todo o tempo!

3 – Se o inimigo me cercar por todos os lados, e se levantar contra mim como uma corrente de águas, o Espírito do Senhor arvorará contra ele a sua bandeira!

T - E então: Louvarei ao Senhor em todo o tempo!

1,4 – Igreja, assim como Deus libertou o povo de Israel do Egito, ele também te libertou do pecado, então, louva ao Senhor!
2,5 – Assim como Ele deu vitória a Josafá através do louvor, também pode te dar, então louva ao Senhor!
3,6 – Assim como Ele livrou a Paulo e Silas da prisão, pode também de tirar desta prova que estás passando, por isso:

T – Louva ao Senhor, porque é bom louvar o seu nome!

1 – Desperta, ó Igreja, para o ministério do louvor!
2 – Cantai em todo o tempo!
3 – Mesmo com a alma angustiada,
4 – Nas tristezas,
5 – No choro e na dor!
6 – Pois quando cantares, Deus te consolará!
T – A Palavra de Deus nos diz: “O choro pode durar uma noite, mas alegria vem pela manhã!”

1 – Por isso, igreja, prepara mais e mais a tua vida!
3 – Para louvar àquele que te salvou!
5 – Louva-o com tua maneira de viver!
2 – Louva-o com a tua maneira de andar!
4 – Louva-o nas tuas palavras e ações
6 – Que tudo o que fizeres seja para o engrandecimento do nome do Senhor!

T – Louva ao teu Deus, porque é bom louvar ao Senhor e cantar louvores ao Altíssimo!

1,2 – Assim como os anjos anunciaram com louvores o nascimento de Cristo, que o teu louvor leve ao mundo a mensagem da Salvação!
3,4 – Assim como Maria louvou por ter sido escolhida para ser a mãe do Salvador, louva também, pois tu foste escolhido por Deus!
5,6 – Que através do teu louvor, Deus possa libertar as vidas, assim como libertava a Saul quando Davi cantava!

T – Quando o crente louva, ele recebe vitória!

1 – Coral, continua louvando ao Senhor, pois verás maravilhas acontecerem
2 – Conjunto, exalta ao Senhor teu Deus e grandes coisas ele fará por ti!
3,4 – Criança, louva ao Senhor com teu perfeito louvor e ele cuidará do teu futuro!
5 – Mocidade, aproveita a tua força e exalta ao Senhor do céu, pois ele tem grandes planos em vossas vidas!
6 – Igreja, continua louvando ao Senhor como este Coral. São _____ anos de louvor, _____ anos de bênçãos e de muitas vitórias. Se queres vitória, canta ao Senhor porque...

T – Bom é louvar ao Senhor e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssimo!


Jogral agradecimento - AQUELE QUE OFERECE SACRIFÍCIO DE LOUVOR ME GLORIFICARÁ!



1 – Ao resgatar-nos das trevas para a luz, Deus designou para cada um de nós um chamado especial:

2 – Para uns, a pregação.

3 – Para outros, a oração.

4 – E ainda para outros, o ensino.

5 – Mas há uma ordenança que é para todos:

Todos: Tudo quanto tem fôlego louve ao Senhor!

6 – Louvar quer dizer exaltar, enaltecer, glorificar ou bendizer!

7 – E o apóstolo Paulo nos adverte:

8 – Portanto, quer comais, quer bebais, quer façais outra qualquer coisa...

9 –... Fazei tudo para a glória de Deus!

10 – Sendo assim, não é apenas como nossos lábios que podemos glorificar a Deus. Toda nossa vida, todos nossos atos devem ter como finalidade louvar ao Senhor!

Todos: Aquele que oferece sacrifícios de louvor me glorificará!

1,2 – Devemos louvar a Deus porque só Ele é digno de louvor!

3,4 – Porque o com o nosso louvor, o glorificamos!

5,6 – Devemos louvá-lo por sua majestade e glória!

7,8 – Por sua bondade e verdade!

9,10 – Por sua grandeza e santidade!

Todos: Devemos louvar ao Senhor agradecendo pela tão grande salvação que alcançamos!

1 – Podemos louvar ao Senhor, entoando hinos de louvor!

2 – Podemos louvá-lo com uma vida de santidade e obediência!

3 – Devemos adorá-lo em espírito e verdade!

4 – Nós o glorificamos conservando puro o nosso corpo!

5 – E também o glorificamos buscando sua face em oração!

Todos: Glorificamos a Deus, oferecendo-lhe sacrifícios de louvor!

6 – Devemos oferecer-lhe louvores com entendimento!

7 – Com toda nossa alma;

8 – Com todas as nossas forças;

9 – De todo coração!

10 – Com regozijo e alegria!

Todos: Louvarei ao Senhor durante a minha vida, cantarei louvores ao meu Deus enquanto viver!

1 – A Bíblia está cheia de exemplos de pessoas que glorificaram ao Senhor:

2 – O povo de Israel glorificava a Deus, oferecendo-lhe os seus sacrifícios!

3 – Moisés e Miriã louvaram pelo grande livramento no Mar Vermelho!

4 – Débora convidou o povo para glorificar a Deus com cânticos de louvor!

5 – Daniel glorificava Deus quando o buscava em suas orações!

6 – Ana louvou ao Senhor, por ter-lhe concedido um filho!

7 – Eliseu glorificou a Deus com sua vida santa e irrepreensível!

8 – Os pastores glorificaram a Deus, anunciando aos outros que o Messias havia nascido!

9 – A Igreja Primitiva glorificava ao Senhor, estando unidos uns com os outros!

10 – E nós devemos glorificá-lo, oferecendo sacrifícios de louvor!

Todos: Aquele que oferece sacrifícios de louvor me glorificará!

1 – E assim tem feito o (nome do grupo)!

2 – Durante estes ___ anos, temos glorificado ao Senhor!

3 – Os cantores o glorificam com suas vozes!

4 – Os tocadores o glorificam utilizando seus instrumentos para a glória de Deus!

5 – E assim, todos louvam ao Senhor, pelas inúmeras vitórias que temos recebido!

6 – Assim como a Igreja Primitiva, louvamos ao Senhor estando unidos em um só pensamento, um só coração!

7 – Assim como Moisés, lhe agradecemos pelos grandes livramentos que Ele nos tem concedido!

8 – Tal como os pastores, nós o louvamos anunciando aos pecadores as novas de esperança e salvação!

9 – E assim como Maria, nós o louvamos por termos sido escolhidos para sermos seu povo e ovelhas do seu pasto!

10 – E assim como o povo de Israel, o louvamos com cânticos e louvores, pois assim nos ordenou o Altíssimo:


Todos: Aquele que oferece sacrifícios de louvor me glorificará!

Jogal Louvor - ABRE, SENHOR, OS MEUS LÁBIOS, E A MINHA BOCA ENTOARÁ O TEU LOUVOR.



Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

1 – Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto.

2 – Purifica-me com hissope, e ficarei puro; lava-me, e ficarei mais branco do que a neve.

3 – Faze-me ouvir júbilo e alegria, para que gozem os ossos que tu quebraste.

4 – Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário.

5 – Viva a minha alma, para louvar-te; ajudem-me os teus juízos.

6 – Aceita, eu te rogo, as oferendas voluntárias da minha boca, ó SENHOR; ensina-me os teus juízos.

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

1 – Hoje é dia de vitória, é dia de agradecimento!

2 – Neste dia, os nossos lábios estão abertos em louvor e gratidão ao nosso Deus!

3 – Por mais este ano de lutas, mas também de muitas vitórias!

4 – Durante este ano, muitas vezes estivemos tristes e angustiados.

5 – Muitas vezes, nossos lábios estiveram fechados, pois não víamos condições de louvar ao Senhor.

6 – E por isso, muitas vezes nossa alma exclamava:

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

1 – Assim como nós, Ana também passou muito tempo com seus lábios fechados!

2 – Quantas vezes ela foi oprimida por Penina, sua rival!

3 – Esta zombava e irritava a Ana por ela ser estéril e sua angústia era tanta que ela muitas vezes nem queria alimentar-se.

4 – Mas um dia, Ana entrou no tabernáculo e derramou a sua queixa perante o Senhor e Deus respondeu a sua oração!

5 – E enfim, seus lábios se abriram e ela pôde cantar dizendo: O meu coração exulta ao SENHOR, o meu poder está exaltado no SENHOR; a minha boca se dilatou sobre os meus inimigos, porquanto me alegro na tua salvação

6 – O arco dos fortes foi quebrado, e os que tropeçavam foram cingidos de força. Levanta o pobre do pó, e desde o monturo exalta o necessitado, para fazê-lo assentar entre os príncipes, para fazê-lo herdar o trono de glória.

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

1 – Quando os lábios do crente estão abertos, ele só canta vitória!

2 – Quando os filhos de Israel vieram a desviar-se do Senhor, ele os entregou nas mãos do rei de Canaã.

3 – Mas eles se converteram e clamaram ao Senhor e Deus os ouviu, levantando Débora, mulher profetisa e juíza em Israel naqueles dias!

4 – E o Senhor derrotou a Sísera, a todos os seus carros e todo o exército diante dos filhos de Israel! E Débora entoou um cântico de louvor ao Senhor!

5 – O inimigo tem se levantado para impedir a tua vitória? Louva ao Senhor, pois ele vai marchando adiante de ti! Os montes tremerão na sua presença e o inimigo será desbaratado!

6 – Abre os teus lábios, Igreja, e entoa um cântico! Pois do céu, os anjos do Senhor pelejarão por ti e na terra, até os ribeiros arrastarão os teus inimigos, pois o Senhor dos Exércitos é o teu Deus, o teu louvor e a tua vitória!

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

1 – E porque os nossos lábios estão abertos em louvor, nenhum inimigo sustem-se de pé na frente dos escolhidos do Senhor!

2 – Deus faz assim na vida de Davi e faz na minha e na tua também.

3 – Davi foi perseguido e quase morto por Saul, foi rejeitado por seus irmãos após ser ungido rei, foi desprezado por Golias quando saiu a lutar contra ele, mas nenhum desses ficou de pé, pois Davi confiava no Senhor!

4 – Por isso, Davi pôde cantar quando Deus o livrou das mãos dos seus inimigos:

5 – "O SENHOR, digno de louvor, invocarei, e de meus inimigos ficarei livre. Vive o SENHOR, e bendito seja o meu rochedo; e exaltado seja Deus, a rocha da minha salvação. Por isso, ó SENHOR, te louvarei entre os gentios, e entoarei louvores ao teu nome."

6 – E nós louvamos ao Senhor Jesus, que nos tem mantido de pé durante esses ____ anos! Quantas barreiras se levantaram, mas por sua grande fidelidade, Ele tem nos dado livramento, tem nos dado vitória, tem nos dado força para louvar o seu santo e excelso nome!

Todos: Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.

1 – E este Coral, prossegue nesta jornada louvando assim como o fez Moisés!

2 – Assim como Débora louvou ao Senhor depois daquela grande vitória, louvamos também, pois Deus se agrada do nosso louvor!

3 – Assim como Ana louvou, louvamos ao Senhor também e o Arco dos Fortes é quebrado

4 – Louva a Deus como Paulo e Silas e verás os cárceres serem abalados!

5 – Se os teus inimigos se levantarem contra ti, faze como Josafá: Põe-te a louvar a Deus e eles serão desbaratados!

6 – E nós te louvamos, Senhor, nós te glorificamos por tudo quanto tens feito por nós. E com alegria dizemos:

Todos: Senhor, tu tens aberto os nossos lábios e hoje, a ti entoamos louvor!





Ore, jejue, decore e compareça aos ensaios: a sua dedicação é muito importante!
Sua dedicação – a garantia da sua participação; sua participação – a garantia de Deus operar em sua vida!

jogral louvor - A VOZ DO SENHOR É PODEROSA!



1 – No princípio criou Deus os céus e a terra. A terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo, mas o Espírito de Deus pairava sobre a face das águas. E disse Deus: “haja luz”. E houve luz. E viu Deus que a luz era boa;

Todos: A voz do Senhor é poderosa!

1 – Querida Igreja, o nosso Deus é realmente grande e tremendo. A sua voz é grandiosamente poderosa! Com simples palavras, criou Deus os céus, a terra, os mares e todo o conjunto do universo que hoje conhecemos! A voz do Senhor ouve-se sobre as águas; a voz do Senhor quebra os cedros; a voz do Senhor separa as labaredas de fogo; a voz do Senhor faz as corças darem à luz, e desnuda as florestas; a voz do Senhor faz tremer o deserto; e no seu templo todos dizem: “Glória!” A voz do Senhor é cheia de majestade;

2 – Sim, quão poderosa é a voz do nosso Deus! Certa vez, Jesus ia entrando em Cafarnaum chegou-se a ele um centurião que lhe rogava, dizendo: Senhor, o meu criado jaz em casa paralítico, e horrivelmente atormentado. E Jesus lhe disse: “Eu irei, e o curarei”. O centurião, porém, replicou: “Senhor, não sou digno de que entres debaixo do meu telhado; mas somente dize uma palavra, e o meu criado há de sarar”. Então disse Jesus lhe disse: “Vai-te, e te seja feito assim como creste”. E naquela mesma hora o seu criado sarou.

3 – É por isso que temos razão de louvar a este Jesus. A sua voz é realmente poderosa. Ele manda, e tudo lhe obedece. Ele diz a enfermidade: “Sai!” E ela sai mesmo! Ele diz ao monte: “Muda-te daqui para lá, e ele se muda!” Ele diz à figueira: “Jamais nasça fruto de ti”, e ela seca-se no mesmo instante! Ele diz ao mar: “Aquieta-te!” E faz-se grande bonança! Ele nos tem dito: “louva ao meu nome!” E nós o louvamos pois Ele é o único digno de toda honra, toda glória e todo louvor!

Todos: A voz do Senhor clama à cidade, e aquele que é sábio temerá o seu nome.

4 – Quando Jesus ia entrando na aldeia de Naim, eis que saia o enterro do filho único de uma viúva. Era uma situação triste de dor e desespero, mas eis que o Dono da vida se aproximava e ele moveu-se de intima compaixão por aquela pobre mulher. E com sua voz amorosa, Ele disse: “Não chores”. Quantas pessoas já lhe haviam dito a mesma coisa? Mas aquele que falava agora, era diferente. A sua voz era poderosa! E ele estancou o pranto daquela mulher quando disse ao defunto: mancebo, a ti te digo: “Levanta-te!” E todo povo glorificava a Deus dizendo: “Deus visitou o seu povo!”

5 – E durante este ano, esse coral também passou por lutas, tristezas, aflições e dificuldades, mas sempre tivemos conosco a sua sublime presença nos consolando, ajudando e transformando nossas tristezas em alegrias! Ele não apenas nos visita, mas está sempre conosco e com sua voz poderosa nos diz: Louva o meu nome na angústia, pois eu te responderei e tu me glorificarás. Por isso estamos alegres nesta noite, pois Ele é a nossa alegria e consolação, a razão maior de nossa existência. O único digno do louvor deste coral!

Todos: Dai atentamente ouvidos ao estrondo da voz de Deus e ao sonido que sai da sua boca.

6 – Quando Lázaro esteve enfermo, suas irmãs mandaram chamar a Jesus, pois sabiam que ele poderia curá-lo. Porém, Jesus demorou-se onde estava e quando chegou, Lázaro havia morrido há quatro dias! E quando Ele chegou, Marta e Maria lhe disseram: “Senhor, se tu estivesses aqui, o meu irmão não teria morrido”. Mas Jesus não se perturbou. Ele mandou que tirassem a pedra do túmulo e clamou com sua alta e poderosa voz: “Lázaro, sai para fora!” E naquele momento, Lázaro saiu do sepulcro!

7 – Qual cantor com sua mais bela voz, ou qual orador com toda a sua eloqüência poderia fazer com que o morto ressuscitasse? Nenhum! Mas o meu Deus, igreja, o teu Deus, Ele é o Senhor dos Senhores e a sua voz é poderosa! Nunca deixes de louvar a esse Deus tão grandioso que tudo pode e nenhum de seus pensamentos pode ser impedido, pois Ele está agindo ao teu respeito e no tempo, abrirá a sua boca para decretar a tua vitória e quando Ele fala, Ele cumpre, pois é fiel e poderoso para cumprir com as suas promessas! Louva ao teu Deus nesta noite!

8 – E a poderosa voz de Deus tem encorajado esse coral durante esses __ anos! Não podemos deixar de louvá-lo, pois ele é o que faz coisas grandes e poderosas em nossas vidas! Quando cansamos, Ele nos fortalece, nos encoraja, nos anima e nos sustenta com sua poderosa mão. Como agradecer a este tão grande Deus, que nos anima quando estamos tristes, nos fortalece quando estamos fracos, nos sustenta quando o inimigo tenta nos derrubar! Nós te louvamos, Senhor, pela tua graça, o teu amor, o teu favor em nossas vidas e através dos nossos louvores! Enche-nos, Deus, do teu Espírito Santo e que a cada dia, possamos ouvir a tua voz forte e poderosa a nos dizer que estamos ensaiando aqui para um dia cantarmos diante do teu trono, na glória celestial!

Todos: Porque a voz do Senhor é poderosa!


Jogral de louvor - A TI, Ó DEUS, GLORIFICAMOS, A TI DAMOS LOUVOR!



1 – Louvarei ao Senhor durante a minha vida, cantarei louvores ao meu Deus enquanto existir!

2 – Todos os dias te bendirei e louvarei o teu nome para sempre!

3 – Louvarei ao Senhor em todo o tempo, o seu louvor estará continuamente na minha boca!

4 – Louvar-te-ei, Senhor, pois me escutaste, e te fizeste a minha salvação!

5 – Eu te louvarei, Senhor, de todo o meu coração; na presença dos deuses a ti cantarei louvores!

6 – Exaltar-te-ei, ó Deus meu e Rei e louvarei o teu nome por todos os séculos!

Todos: A ti, ó Deus, glorificamos, a ti damos louvor!

1 – Querida igreja, paremos um pouco agora e pensemos em quem éramos nós?

2 – Antes, andávamos aprisionados, sem alegria, sem esperança e sem Deus no mundo!

3 – Mas Deus nos chamou, nos resgatou e trouxe-nos do mundo com sua poderosa mão!

4 – Hoje estamos livres: livres para louvar, para engrandecer, para exaltar o seu nome!

5 – Cada crente aqui presente nesta noite, tal como os componentes deste ___________, tem razões de sobra para louvá-lo.

6 – E por mais um ano de bênçãos a nós concedidas, podemos dizer:

Todos: A ti, ó Deus, glorificamos, a ti damos louvor!

1 – Porque o Senhor é bom, nós o glorificamos e damos louvor continuamente! Mesmo assim, muitas vezes nos parece que Deus está longe de nós;

2 – Porém, através da experiência do profeta Habacuque podemos perceber o quanto nos vale a pena viver pela fé.

3 – Ele fizera ao Senhor muitas interrogações por não entender os seus desígnios na vida do seu povo!

4 – Mas ao ouvir a resposta do Deus de Israel que não dorme nem tosqueneja, ele louvou ao Senhor demonstrando uma fé inabalável!

5 – Portanto, ainda que a figueira não floresça, não haja fruto na vide, o produto da Oliveira minta,

6 – Os campos não produzam mantimento, as ovelhas da malhada sejam arrebatadas e nos currais não haja vacas...

Todos – Todavia, eu me alegrarei no Senhor e exultarei no Deus da minha salvação!

1 – Nós louvamos e glorificamos ao Senhor porque Ele é Varão de Guerra!

2 – Quando os amonitas e moabitas subiram contra Josafá, ele subiu ao Templo a orar e mandou que Judá e Jerusalém se prostrassem perante o Senhor Deus!

3 – E no dia seguinte, o povo saiu à peleja e Josafá ordenou que os cantores estivessem na frente e louvassem à Majestade Santa, com voz mui alta.
4 – E eles saíram na frente dos armados, exaltando ao Senhor com Júbilo dizendo: Louvai ao Senhor porque a sua benignidade dura para sempre.

5 – E ao tempo em que eles começaram a louvar ao Senhor com Júbilo,o Senhor derrotou os seus inimigos!

6 – E é por isso que estamos hoje de pé! Quando o inimigo se levanta, o Espírito do Senhor peleja por nós! Quando ele arma ciladas, ele mesmo é que cai nelas! E por este motivo, todos nós podemos dizer assim:

Todos: A ti, ó Deus, glorificamos, a ti damos louvor!

1 – Assim como Ana, que era estéril, nós também não éramos dignos de produzir sacrifícios de louvor a Deus. O fruto dos lábios que confessam o seu nome.

2 – Mas o arco dos fortes foi quebrado e nós, que tropeçávamos, fomos cingidos de força, por isso o meu louvor será para Deus continuamente!

3 – Onde estaríamos neste momento, se não fosse a mão forte do Senhor que nos resgatou deste mundo de pecado, deu-nos nova vida, pôs os nossos pés sobre uma rocha, firmou os nossos passos e pôs um novo cântico em nossas bocas?

4 – Louvado seja o Senhor que nos escolheu para lhe servir e louvar o seu nome!

5 – Sim, todos nós estávamos mortos em nossos delitos e pecados, mas ele nos vivificou!

6 – Ele nos deu vida para estarmos aqui juntos louvando e bendizendo o seu nome! E mais uma vez cantamos:

Todos: A ti, ó Deus, glorificamos, a ti damos louvor!

1 – E o Conjunto __________________ vem hoje agradecer a Deus por mais um ano de vitória!

2 – São grandes bênçãos e vitórias que recebemos servindo a este grande Deus!

3 – Nós o louvamos porque só ele é digno de honras, glórias e louvores!

4 – Enviando seu filho ao mundo e morrendo por nós na cruz, redimiu-nos do pecado!

5 – Enchendo-nos de esperança, transformou em vitórias as nossas derrotas!

6 – Por isso o louvamos! E não temos mais nada a ofertar-lhe a não ser nossas próprias vidas como prova de amor e gratidão! E assim,com alegria dizemos:

Todos: A ti, ó Deus, glorificamos, a ti damos louvor!


Jogral para aniversário da esposa do pastor


ESTE É O DIA QUE FEZ O SENHOR,POR ISSO ESTAMOS ALEGRES!


1 – Neste dia feliz, damos graças a Deus por mais um ano de vida da nossa dirigente!

2 – Irmã _______________, estamos muito felizes por tua vida!

3 – Desejamos que, neste dia, o Senhor cumpra o desejo do teu coração. Para isso:

Todas: Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele e Ele tudo fará!

4 – Pedimos a Deus que Ele aumente mais e mais os teus dias!

5 – Que a benção e a paz estejam presentes em tua vida!

6 – As lutas virão, mas lembra-te da promessa do Senhor:

Todas: Não te deixarei, nem e desampararei!

1 a 3 – Se as barreiras se levantarem...

4 a 6 – Lembra-te que contigo está aquele que derribou as muralhas de Jericó!

1 – Se estiveres cansada...

2 – Não desanimes, Cristo é a tua força!

3 – Se em meio às dificuldades a tua força desfalecer...

4 – Ora ao Senhor e Ele te manterá firme!

5 – Se a desilusão te surpreender...

6 – Cristo é o amigo mais chegado que um irmão!

Todas: Espera no Senhor, anima-te e Ele fortalecerá o teu coração!

1 – Hoje te desejamos:

2 – Muitos anos de vida!

3 – Muitas benção divinas!

4 – Muitas felicidades!

5 – Muito amor!

6 – E uma vida transbordante no Espírito Santo!

Todas: Que possas sempre ouvir a voz do Senhor a te dizer:

1,2 – Abençoarei abundantemente o teu mantimento, fartarei de pão os teus necessitados. Vestirei de confusão os teus inimigos, mas sobre ti florescerá a tua coroa!

3,4 – Eu te darei chuva sobre a tua semente com que semeares a terra, como também pão da novidade da terra!
5,6 – E será que, antes de clamares, eu te responderei! Estando tu ainda falando, eu te ouvirei!

Todas: Filha minha, eu te chamei e te escolhi, tu és minha! Eu te amo!

1 – Não te esqueças que o Senhor é o teu pastor; nada te faltará!

2 – Aquilo que pedires, crendo, receberás!

3 – Lembra-te que esta comissão não cessa de orar por ti!

4 – Firma-te sempre nas promessas do Senhor, pois elas não falharão!

5 – O Senhor te ajudará e te livrará. Ele te salvará porque tu confias nele!

6 – E hoje, não temos como expressar nossa ao grande alegria, mas dizemos ao Senhor:

Todas: Muito obrigada, ó Deus, pela vida da nossa dirigente. Parabéns! Parabéns irmã ____________________!



27 de outubro de 2018

peça para teatro cristão - “Um Natal sincero”

“Um Natal sincero”
Escrito por
Cora Alley
Script de pré-visualização
Escrituras:
João 1:14
“O Verbo se fez carne e viveu por algum tempo entre nós. Nós vimos a Sua glória
a glória do único Filho que veio do Pai, cheio de graça e verdade. ”
João 3:16
"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito,
para que todo aquele que nele crê não morra, mas tenha a vida eterna.
Categoria dramática: Peça de teatro para o natal


NOTA:
Este jogo é apenas um "enredo". Ele fornece um contexto em que qualquer número de Natal
músicas vão caber. Este desempenho é ideal para solistas, conjuntos e coros de qualquer tamanho e
qualquer idade. As primeiras seis músicas são intercaladas no primeiro ato, com as canções restantes
compondo o “Concerto do Coro de Natal”, que a “família” de personagens assiste.

Tempo de Performance: 25 minutos de drama para adicionar a qualquer número de músicas de Natal

Objetivo:
Nesta história simples de uma menina de coração partido, procurando por seus hamsters perdidos, vemos o“Coração” de Deus que veio à Terra para resgatar Seu amado povo. Esta peça é uma "história"só. Ele fornece um contexto no qual qualquer número de músicas de Natal se encaixa. Criar um memória de férias em família inesquecível que olha para o porquê por trás do Natal.

Sinopse:
Você já perdeu alguma coisa que você realmente amou? Você já procurou por todos os seus
poderia? Você já ficou com o coração partido porque queria de volta? Se você tem, você
tem muito em comum com Deus. "Um Natal sincero" conta a história de um coração partido
menina que fica acordada a noite toda procurando por seus amados hamsters que fugiram, porque ela
deixou a porta da gaiola aberta.

Enquanto chama por eles durante a noite, ela acorda seu avô, que adormeceu no sofá enquanto lê a Bíblia. Vovô tenta tirar sua mente de sua tragédia por lendo para ela sobre alguém que perdeu suas amadas criaturas e tem um coração partido também: Deus!
Vovô narra a história da busca de Deus para restaurar a comunhão perdida no jardim.
Ele começa com o chamado de Abraão, segue para os 10 mandamentos e depois para o
profetas e, finalmente, ele surpreende sua neta, dizendo-lhe que Deus se tornou um de nós
então ele poderia "nos encontrar falando nossa língua".
Esta história deliciosa é artisticamente tecida em torno de suas canções natalinas favoritas. O script tem sugeriu lugares quando você pode inserir músicas que você acha que melhor expressam as várias cenas.
A ação culmina em um momento de crise quando o irmão de Jeanne se recusa a comparecer ao Natal
concerto com sua família, porque ele não pode entender por que Deus veio para a terra e nasceu como ser humano.
Jeanne explica que foi assim que pudemos conhecê-lo e entendê-lo, e o mais importante todos, que nossos pecados são perdoados porque este bebezinho cresceu para ser o sacrifício perfeito.
Seu novo entendimento de como o "perdido" se torna "encontrado", leva a pequena Jeanne a
use um hamster na coleira para que ele possa “encontrar sua própria espécie”. A história da busca de Deus por Seu povo é contado de uma forma que irá se comunicar com jovens e velhos, como nós celebramos o milagre do natal.

Elenco:
Jeanne: Uma menina de sete anos
Vovô: O "professor" altamente animado da história
Beth: Mãe de Jeanne e Keith
Alan: Jeanne e o pai de Keith
Keith: Um filho obstinado de 14 anos
Adão: O diretor do musical de Natal
Coros: Qualquer número de artistas de todas as idades
Solistas: Qualquer número de solistas, como projetado pelo diretor
Conjuntos: Qualquer número de conjuntos, conforme projetado pelo diretor

Adereços:
Uma Bíblia para o vovô (com um "script de fraude" inserido em várias páginas)
Livros de Natal de algumas crianças
Post-it notes espalhadas no palco
Um marcador
Uma prancheta para Adam com panfletos para obter informações
Um ancinho
Uma cesta de maçãs
Papel de embrulho e fita
Caixas a serem embrulhadas
Apresenta debaixo da árvore
Decorações de Natal variadas para a casa
2 cestas de maçãs
Roupas de inverno (casacos, cachecóis, chapéus, luvas) para toda a família

NOTA:
Este roteiro é desafiador para o vovô. Coloque um “script visível”  em sua Bíblia.
Coloque partes do roteiro em vários lugares, então ele parece progredir na história.

Música:
Uma canção suave sobre o amor de Deus (com uma longa introdução)
Uma mistura de músicas instrumentais de Natal

Canções:
As músicas deste script são apenas sugeridas. Escolha suas próprias músicas de Natal, com base no
sugeriu "sentir" ou "tema" das músicas.
Canção 1: Uma "música de natal otimista"
Canção 2: Um "medley Emmanuel"
Canção 3: Uma “música sobre o amor de Deus” (com uma longa introdução)
Canção 4: Uma “canção infantil alegre”
Canção 5: Uma “canção natalina única” (tipo Currier & Ives)
Canção 6: Uma “música natalina única” (quarteto?)
Concerto de Coro de Natal

Trajes:
Uma camisola de flanela para Jeanne
Um xale, uma bengala e um suéter de lã para o vovô
Roupas de natal
Quaisquer trajes são determinados pelos números musicais
Conjunto:
Uma cadeira recheada
Uma prateleira de livros
Uma lâmpada de pé em um dimmer
Fardos de feno e coisas tipo celeiro
Material do quarto de Jeanne
Uma árvore de Natal
Parafernália de Natal
Animal: Um hamster vivo ou uma cobaia com um colarinho ou um arnês em uma coleira longa.
(Isso é para a cena final.)

Arranjo de Palco:
1 árvore de natal
senario 1
quarto de Jeanne
senario 2
A sala de estar
Senário 3
O celeiro

O Script:

PRÓLOGO

CANÇÃO 1: “Uma Canção de Natal Up-Beat” (ou uma mistura deles)
Escolha uma música que capte a alegria da temporada. O coro, vestido de feliz natal
cores, pode entrar por todos os lados, através do público, tomando seus lugares no palco
como eles cantam.

Bem-vindo: Adam
(Transição da música de abertura, em seguida, definir o cenário para um novo olhar para a história de
a históriaN adtea "l:Deus conosco".

MÚSICA 2: “Emmanuel Medley”
Mais músicas natalinas do tipo sagrado focadas no nascimento de Cristo.
(Encene os cantores ao redor do palco, então eles cercam a área da “The Living Room” onde
Vovô e Jeanne farão a cena deles, no centro do palco.)
LUZES: FADE FORA EM CANTORES E NO VÔO, PISCINA 2

ATO 1
Cena 1: "A Perda"
(Vovô está sentado em uma cadeira recheada no centro do palco, dormindo com a abertura
Bíblia no peito. Jeanne entra, da UR vestida com uma camisola de flanela e carregando cartazes com
notas e um marcador. Ela está olhando ao redor, colocando notas que dizem "Cuidado com os gatos".
ou "Hamsters, vem pra casa", etc. Algumas notas têm o mapa de como chegar em Casa. ”Ela coloca as notas na lâmpada, na estante, na cadeira e no chão. Ela está chamando
suavemente.)
Jeanne: Fred, Barney.
Onde está voce?
Fred, saia. Barney, vem ...
(Ela pára no meio da frase quando vê o vovô dormindo na cadeira. Ela acha que ele está morto
e corre para ele. Ela o sacode violentamente.
Vovô! Não morra!
Vovô, por favor, acorde!
Vovô: (assustado) O que? Quem?
Qual é o problema?
Oh, Jeanne, é você.
Você me assustou da minha pele, pequenina.
Jeanne: Eu pensei que você estava morto!
Vovô: Nenhuma tal sorte, princesa;
Eu vou ter que ficar por perto outro dia.
Jeanne: Não fale assim.
Você prometeu à mamãe que deixaria de fazer piadas sobre a morte.
Você não é engraçado!
Vovô: Muitas pessoas concordam com você sobre isso.
Jeanne: O que?
Vovô: Que eu não sou engraçado.
Jeanne: (confortando-o) Sim, mas você continua tentando.
Vovô: Eu sei, estou tentando; muito tentando.
Jeanne: (começando a dar uma palestra a ele)
Você não pode ser muito cuidadoso quando você tem problemas cardíacos.
É uma coisa muito séria quando seu coração te ataca.
Vovô: Fazer o que?
Jeanne: Isso é o que mamãe disse que poderia acontecer;
você poderia ter um ataque cardíaco,
e você tem que ter muito cuidado.
(fazendo-o confortável)
Lá agora; Não fique animado.
Vovô: (empurrando-a para longe) Ok, ok, chega desse negócio de ataque cardíaco.
Se eu tiver mais agitação feminina fanática,
Eu vou vomitar!
(recuperando a compostura)
Então me conte;
Por que você está acordado a esta hora tardia?
Toda essa família acabou com horas atrás.
Jeanne: (em um tom de aviso) Vovô!
Vovô: (defensivamente) O que?
Jeanne: (avisando-o sobre a morte de piadas) Derrubado?
Vovô: Ok, fui para a cama.
O que você está fazendo acordada?
Jeanne: Não consigo dormir.
Estou muito preocupada com Fred e Barney.
(Ela se senta no chão e se apoia no joelho dele.)
Vovô: (inclinando-se para ela)
Você ainda não encontrou esses hamsters?
Jeanne: Não, e eu tenho procurado o dia todo!
Vovô: Você não deveria ter deixado a porta da gaiola aberta.
Eu te disse, hamsters não entendem uma "política de porta aberta".
Jeanne: Eu lhes disse para não sair, mas eles não deram ouvidos.
Vovô: Você deveria tê-los trancado.
Hamsters não são muito inteligentes.
Jeanne: Eu não queria que eles se sentissem presos,
como se eles fossem prisioneiros ou algo assim.
Isso teria arruinado tudo.
Eu trabalhei tão duro nessa gaiola.
Você viu isso?
Vovô: Sim princesa, eu vi.
Foi bem legal,
especialmente aquelas pequenas camas que você fez com cobertores combinando,
e que o sinal de "Lar Doce Lar" deveria ter sido suficiente para fazê-los ficar.
Jeanne: Estou tão preocupado com eles.
Eles precisam de mim para cuidar deles;
eles não sabem como sobreviver a menos que eu esteja lá.
Vovô: (colocando o braço em volta dela) Talvez eles não sejam Fred e Barney;
talvez eles sejam Betty e Wilma e eles foram às compras!
Jeanne: Vovô! Você não é engraçado!
Vovô: Sim, você continua mencionando isso.
Bem, princesa, isso pode ser uma coisa difícil para você engolir,
mas você colocou os gatos para fora?
Jeanne: Você teve que dizer engolir?
Vovô: Desculpa.
Jeanne: Sim, eu coloquei os gatos para fora assim que descobri que meus hamsters fugiram.
Eu tentei de tudo, vovô
e eu simplesmente não consigo encontrá-los.
(Ela começa a chorar)
Vovô: (confortando-a) Princesa, sinto muito que seus hamsters tenham fugido,mas talvez eles voltem.
Jeanne: (através de suas lágrimas) Eu disse a eles para não sair,
mas eles não ouviram
agora estão perdidos!
Vovô: (pegando idéias) Uh .... Hey,
Que tal se eu te lesse uma história para tirar sua mente do que você perdeu, ok?
Como sobre isso?
Jeanne: Que tipo de história?
Vovô: Bem, é Natal ... que tal uma história de Natal?
(Retirando vários livros infantis de uma pilha próxima. Ele mostra cada um a Jeanne, mas
ela não está interessada.)
Que tal este aqui, o menor anjo?
(Ele remove o post-it que está no livro. Jeanne sacode a cabeça: “Não.” Vovô
segura outro livro.)
Como sobre o Grinch?
Jeanne: Não, eu não estou no clima para aqueles
Além disso, você trapaceia quando lê este.
(apontando para o Grinch)
Vovô: Enganação?
Jeanne: Sim, você vira duas páginas ao mesmo tempo,
e você acha que eu não posso dizer?
Bem, eu posso.
Vovô: Você é bem esperto!
Então, o que você quer que eu leia para você?
Jeanne: (apontando para a Bíblia em seu colo) Esta história
Vovô: A Bíblia?
Jeanne: Sim. Leia-me a coisa toda.
Não estou com sono.
Vovô: Jeanne,
Eu não posso ler isso para você em uma noite!
Jeanne: Tudo bem se você enganar um pouco
mas leia as partes principais.
(Vovô abre a Bíblia e se senta para ler. Ele está prestes a começar, depois espia
Bíblia em Jeanne.)
Vovô: Você e eu temos muito em comum com o personagem principal desta história.
Jeanne: (surpreso) Nós fazemos?
Vovô: Sim. Ele tem problemas no coração e perdeu seus hamsters.
Jeanne: O que?
Vovô! Essa é a Bíblia e é a história sobre Deus.
Vovô: Eu sei.
As amadas criaturas de Deus fugiram
e eles estão causando problemas cardíacos desde então. Ouço:
(lendo de sua Bíblia em Gênesis)
"No princípio, Deus criou os céus e a terra ..."
Esta história continua quando vovô conta a Jeanne a história das tentativas de Deus
para restaurar a comunhão com o homem através dos convênios do Antigo Testamento,
finalmente culminando no Novo Testamento, na cruz, como Deus leva a punição
sobre Si mesmo que foi destinado ao homem.
Esta revelação para Jeanne faz dela uma "pequena missionária"
que compartilha esta verdade com seu obstinado irmão adolescente Keith,
que nunca conseguiu entender por que Deus iria querer
para entrar neste mundo como um ser humano.

O restante deste script é um esboço dos tipos de músicas necessárias e o conteúdo geral do diálogo nos vários cenas que tecem as músicas em um musical de Natal.

ATO 1

Cena 2: "Falta?"
(No quarto de Jeanne, Beth, a mãe de Jeanne, procura por ela.)
MÚSICA: INTRODUÇÃO MÚSICA PARA UMA CANÇÃO SOBRE O AMOR DE DEUS (Canção 3)

ATO 1
Cena 3: “livre para escolher”
(Retorne ao diálogo de Jeanne e vovô sobre nossa liberdade de escolha.)
ATO 1
Cena 4: “Hora de dormir”

ATO 2
Cena 1: "Sem sono"
(De volta ao centro do palco, o vovô adormeceu novamente. Jeanne entra rapidamente, olhando para fora a janela imaginária, no centro. Ela assusta o avô com sua entrada. Ela fala vovô
em procurar os hamsters no celeiro. Eles tropeçam em um ensaio da noite seguinte
Programa de véspera de Natal em "O Celeiro".)
ATO 2
Cena 2: “Ensaio”
CANÇÃO 5: “Uma Canção Única de Natal”
Algo feito em trajes “Currier & Ives”, ou “Madrigal” do século XVI
trajes, algo que não se encaixa no tradicional concerto de coro.
CANÇÃO 6: “Outra Canção Única” (talvez um quarteto ou um trio)
(Todo o grupo sai do palco. Ninguém notou vovô e Jeanne se escondendo atrás do
fardos de feno.)
ATO 2
Cena 3: “A busca”
(Jeanne e vovô espiam por trás do feno. Jeanne lentamente começa a procurar por ela
hamsters através do feno. Vovô conta a ela a história da busca de Deus por Seu povo ao longo do
alianças do Antigo Testamento.)
ACT 2
Cena 4: "Descoberto"
(Irmão de Jeanne, Keith e seu pai, Allen, entram no celeiro. Vovô e Jeanne são
Surpreende-se com a fúria da entrada, mas Alan e Keith não os notam. Keith e Allen discutem
sobre a falta de vontade de Keith para participar do serviço de véspera de Natal, porque ele não consegue entender orque Deus gostaria de se tornar uma pessoa. A ideia toda parece boba para ele, então por que celebrar o Natal se ele não acredita em seu significado?)
(Keith corre para fora do celeiro deixando Alan olhando para ele, desamparado. Vovô se levanta e
leva Jeanne pela mão. Alan percebe, e vovô lembra que Alan era teimoso quando ele era jovem também.)

ATO 3
Cena 1: “Um dia agitado”
MÚSICA: Tocar algumas medley instrumental de músicas de Natal
(A família está apressada com o negócio dos preparativos de Natal. Jeanne atravessa o
palco com um pouco de lenha. A mãe atravessa o palco com papel de embrulho e fita. música de Natal
está jogando. Papai carrega caixas grandes na direção oposta. Isso continua várias vezes.
Improvise a atividade de Natal. Mamãe coloca um presente debaixo da árvore; Papai passa e ajusta
a estrela no topo. Jeanne entra novamente e secretamente sacode um presente, etc. Finalmente, eles cruzam e
Pare por um momento. )
ATO 3
Cena 2: “O Resgate”
(Jeanne entra "The Barn" e vê seu irmão, Keith. Jeanne compartilha a história dela
procure por seus hamsters com Keith, e conta a incrível história de Deus se tornando um homem que elaouviu de seu avô.
Ela diz a ele que se ela pudesse se tornar um hamster, então ela poderia encontrar seus hamsters e falarpara eles em sua própria língua. Isso é o que Deus fez; Ele veio até nós de uma forma que pudemosentenda, esse é o milagre do Natal.
Ela ajuda Keith a entender "por que" Deus veio à Terra, e ele finalmente chega para ir
para o serviço de véspera de Natal.)

ATO 4 “O Concerto de Natal”
Este é o concerto de coro “formal”. O coro terá tido bastante tempo para mudar de
suas alegres roupas de abertura, em um “coro” mais formal, se assim o desejarem.
(A família entra no corredor central da igreja, todos juntos. Keith está com eles.
está sorrindo enquanto ele está sendo puxado por Jeanne. A família se senta e aproveita o show.)

ATO 5 “A Reunião”
(Keith entra em "NO CELEIRO", segurando um hamster nas mãos, a coleira atrás dele.
Jeanne e vovô andam alguns passos atrás. Ele diz a Jeanne que "se funcionou para Deus, talvez
vai trabalhar para nós ", e ele coloca o hamster para baixo, e todos os três seguem o pequeno hamster, em um coleira, através do celeiro.)

Canção de encerramento
O fim

26 de outubro de 2018

Lição - A história de Rute e a bondade de Deus

Experimente este plano de aula baseado na história de Ruth e Naomi para ensinar as crianças sobre bondade. Funcionaria em qualquer ambiente de ministério infantil, mas é projetado para a igreja de crianças ou a Escola Dominical. Por favor, deixe seu feedback na seção de comentários no final desta lição.
Objetivos: Definir bondade através do livro de Rute. Desenvolver estudantes que demonstrem bondade em suas vidas pessoais. Esta lição é voltada para um ambiente de sala de aula da igreja para crianças dos alunos do 1º ao  ano.
Base bíblica: “Portanto, como povo escolhido de Deus, santo e amado, revestam-se de compaixão, bondade, humildade, mansidão e paciência.” - Colossenses 3:12

Lição Bíblica: Bondade no Livro de Rute

Peça aos alunos que ouçam as palavras “gentileza, gentileza ou gentileza” durante a aula de hoje. Quando ouvem essas palavras, devem colocar o dedo no nariz (não no nariz!) Leia a seguinte sinopse dos capítulos para os alunos. Se você tiver peças gráficas de flanela para a história, utilize-as para fornecer aprendizes visuais.
Capítulo 1: A bondade de Rute e Noemi
Era uma vez uma mulher chamada Naomi. Naomi era casada com Elimelech (digamos que três vezes rápido!) E eles tiveram dois filhos, Mahlon e Kilion. Eles moravam em Belém.(Quem mais nasceu lá?) Mas eles tiveram que se mudar por causa de uma fome (sem comida na terra). Então eles fizeram as malas e foram morar em uma terra estrangeira chamada Moabe.
Alguns anos após a mudança, Elimelech morreu. Naomi estava tão triste, mas ela tinha que continuar vivendo a vida. Seus dois filhos se casaram com Ruth e Orpah (não Oprah). Durante dez anos, as coisas pareciam boas, até que ambos os filhos morreram. Sua vida parecia ter um funeral após o outro. Agora ela estava sozinha em uma terra estrangeira.
Desde que suas filhas na lei eram tão jovens, ela disse-lhes para voltar para suas casas.“Volte, cada um de vocês, para a casa da sua mãe. Que o Senhor mostre bondade para com você, como você mostrou a seus mortos e a mim. ” (Rute 1: 8) Então ela acenou para eles e todos choraram. Orfa foi embora, mas Rute abraçou Naomi e disse: “Não me obrigue a deixar você ou a se afastar de você. Onde você for, eu irei, e onde você ficar, eu ficarei. O teu povo será o meu povo e o teu Deus, o meu Deus. ” (Rute 1:16)
Ruth mostrou bondade para Naomi por ficar com ela, talvez porque Naomi primeiro mostrasse bondade para com ela. Então, juntos, eles fizeram as malas e fizeram a longa e poeirenta viagem até Belém, a primeira casa de Naomi. Ninguém poderia acreditar que Naomi estava de volta! Todos disseram: “É realmente ela, Naomi?” Naomi disse: “Não me chame de Naomi, me chame de Mara”. Naomi sentiu como se Deus tivesse amargurado a vida dela. Quase tudo havia sido tirado dela.
Capítulo 2: A bondade de Boaz
Naomi tinha esse parente, do lado de Elimeleque da família, cujo nome era Boaz. Boaz era muito rico e tinha grandes campos. Agora, era costume do dia que depois que as colheitadeiras passassem pelo campo, as pessoas pobres pudessem pegar o que restasse.Ruth foi uma daquelas pessoas pobres que juntaram grãos um dia. Quando Boaz perguntou quem ela era, seu capataz disse a ele.
Boaz tinha ouvido falar da bondade de Rute em relação a Naomi, então ele disse a ela: “Não vá e pegue outro campo e não vá embora daqui ... Fique aqui com minhas criadas ... Eu tenho dito tudo sobre o que você fez pela sua sogra ... Que o Senhor lhe pague pelo que você fez. Que você seja ricamente recompensado pelo Senhor ... ” (Rute 2: 8, 11-12)
Boaz não apenas falou gentilmente com Ruth, como também a convidou para almoçar!Boaz até deu ordens aos seus homens para deixarem grãos extras para ela, o que eles fizeram. Naquela noite, quando ela chegou em casa para Naomi, ela tinha sobras do almoço e quase um alqueire de grãos! Isso foi muito! Ruth ficou tão surpresa com sua gentileza .Naomi também era! Ela disse: “Que o Senhor o abençoe! Ele não parou de mostrar bondade aos vivos e aos mortos ! ”(Rute 2:20)
O resto da história: a bondade de Deus
A história de Ruth, que começa com muita morte e tristeza, acaba com muita alegria. Boaz acaba pedindo a Ruth que se case com ele. Eles se tornam marido e mulher e têm um filho chamado Obed. Anos mais tarde, Obed se torna o avô do rei Davi. E o tataravô-grande-grande… avô de Jesus. De fato, Mateus capítulo 1 fala sobre a árvore genealógica de Jesus.E nessa árvore genealógica, no versículo 5, estão os nomes de Boaz e Rute. Eles estão listados na árvore genealógica do Salvador do mundo!
Como nossa história acabou tendo um final feliz? Deus escreveu uma linda história para Rute e Boaz, mas suas vidas nem sempre foram fáceis. Como foi a vida difícil para Ruth?Como ela respondeu à sua vida difícil? Ela estava brava e malvada com tudo ou era gentil e grata? Ruth viveu uma vida de bondade , mesmo quando ela provavelmente não se sentia assim. Lembre-se que o marido dela morreu, ela era pobre e ela estava morando em uma terra estrangeira (Belém). Mas ela escolheu ser gentil , apesar de suas circunstâncias.Mesmo antes de Boaz conhecê-la, ele sabia quem ela era porque as pessoas estavam falando sobre sua bondade ! Uau!
Em nossa história hoje, Naomi mostrou bondade para Ruth. Rute mostrou bondade para Naomi e Boaz. Boaz demonstrou bondade para com Ruth e seus trabalhadores. Esta é uma história de bondade ! Mas ainda maior do que a bondade demonstrada por Naomi, Rute e Boaz é a bondade demonstrada por Deus! Deus escolheu nos mostrar bondade através do sacrifício de Seu Filho, Jesus. Nenhum de nós merece a bondade de Deus por causa do nosso pecado, mas Ele mostra isso de qualquer maneira.
Em Tito 3: 3-5, diz-se que “em certa época também fomos tolos, desobedientes, enganados e escravizados por todo tipo de paixões e prazeres. Vivíamos com malícia e inveja, sendo odiados e odiando uns aos outros. Mas quando a bondade e o amor de Deus, nosso Salvador, apareceram, ele nos salvou, não por causa das coisas justas que havíamos feito, mas por causa de sua misericórdia ... ”
Aplicação e Oração: (Agradeça aos alunos por sua boa audição em nossa história hoje. Mencione que eles não precisam mais colocar os dedos em seus narizes! Peça aos alunos que fechem os olhos.) Pense por um momento sobre o seu pecado. Como você feriu o coração de Deus hoje? Esta semana? Este ano? Agora pense em Deus. Deus enviou Seu único filho para morrer na cruz, em seu lugar - por seu pecado. Por causa da morte de Jesus, podemos ser perdoados pelo nosso pecado. Nós podemos viver com Jesus para sempre no céu. E podemos ser gentis com os outros porque Deus tem sido gentil conosco.
Em Romanos 2: 4, diz que “a bondade de Deus leva você ao arrependimento”. O arrependimento significa ser perdoado do seu pecado. Esta não é uma questão para responder em voz alta, mas você já pediu perdão pelo seu pecado? Você já convidou Jesus para o seu coração? Se não, quero convidar você para fazer isso hoje.
Para aqueles de vocês que convidaram Cristo para o seu coração, você está vivendo bondade todos os dias? Você é gentil com seus pais, seus irmãos ou irmãs, seus amigos?Você é gentil somente quando as coisas estão indo bem para você? Ou você é como Ruth e é gentil, não importa o quê? Quero convidar você para que Jesus o ajude a ser gentil com os outros o tempo todo.
Fechar em oração e conversar com qualquer aluno, conforme necessário.
Jogo do Verso da Memória: 
Materiais: Colossenses 3:12 em papel de construção ou escrito em lousa / quadro branco, itens de desgaste com palavras de fita adesiva coladas (compaixão em um casaco, bondade em um chapéu, humildade em um lenço, gentileza em luvas, paciência em botas)
  1. Leia Colossenses 3:12 com as crianças. Dê a eles a chance de repetir o verso várias vezes antes do jogo.
  2. Divida em duas equipes.
  3. Coloque todas as roupas em duas pilhas na sala de cada uma das equipes.
  4. Em “ir”, peça a um membro de cada equipe que ande rapidamente até a pilha e coloque todos os itens de desgaste externo em cima de suas roupas. Como cada item é colocado, eles são para dizer o traço de caráter nele. Depois que todos os itens forem colocados, peça aos alunos que retornem à equipe.
  5. A equipe deve repetir o verso da memória antes que o primeiro aluno remova o desgaste externo.
  6. Uma vez que o desgaste externo é removido, o próximo aluno vai e o relé continua até que cada membro tenha tido um turno.
  7. A equipe vencedora deve sentar-se quando terminar de comunicar que eles estão prontos.
Projeto de arte: bondade T
Materiais: camisetas pré-lavadas, tintas para tecidos não-tóxicos, pedaços de papelão (1 para cada camiseta), pratos de papel, cenouras para estamparia (ou qualquer outro instrumento de estampagem como batatas, maçãs, pontas de borracha para lápis ou moldados selos), fita, um exemplo de um Kindness T acabado, estênceis de papelão das letras em "Kindness" ou "Be Kind", lápis
* Para cortar custos neste projeto de arte, peça às crianças que tragam qualquer camiseta simples de casa. Tenha camisetas extras à mão, no caso de um aluno ter esquecido delas.
1. Antes do tempo, defina as tintas de tecido nas placas de papel. Além disso, corte o implemento de estampagem em tamanho. Você desejará que o selo seja pequeno e moldado como um círculo, quadrado ou triângulo.
2. Coloque as peças de papelão dentro de cada uma das camisetas. Estique a camisa e cole as mangas na parte de trás do cartão, certificando-se de que a camiseta está bem esticada.Os alunos estarão decorando a frente da camiseta.
3. Mostre aos alunos um exemplo do que eles farão hoje. Diga-lhes que Deus quer que sejamos revestidos de compaixão, gentileza, humildade, gentileza e paciência. Isso significa que devemos usar essas qualidades como roupas para que as pessoas vejam Jesus dentro de nós. Hoje vamos fazer camisetas de bondade, para nos lembrar de viver a gentileza com os outros.
4. Distribua os estênceis. Peça às crianças que desenhem as letras de papelão com um lápis.
5. Uma vez que a palavra “Bondade” ou “Ser gentil” esteja estampada nas camisetas, peça às crianças que carimbem dentro de cada uma das letras para parecer um mosaico. Cada letra pode querer ter uma cor diferente para que seja claramente reconhecível.
6. Siga as instruções na tinta do tecido para definir a tinta.
Resultado de imagem para rute e noemi desenhoImagem relacionada

aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna.
João 4:14

E quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida.
Apocalipse 22:17
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

whos.amung.us